Códigos de status HTTP

codigo status http

HTTP (Hypertext Transfer Protocol), é o método pelo qual os clientes (ou seja, você) e servidores se comunicam. E este evento ocorre quando alguém clica em um link, digita uma URL ou preenche um formulário, fazendo com que o navegador envie uma solicitação a um servidor para obter informações.

Em outras palavras, seja para solicitar uma página ou enviar dados, é realizado uma solicitação HTTP. E quando isso acontece, o servidor recebe essa solicitação, e envia de volta uma resposta HTTP, com informações para o cliente.

Dos códigos de status HTTP mais comuns, podemos destacar o de número 200, onde tal chamada é bem sucedida. O código 404 onde o recurso solicitado não foi encontrado, assim como o código 500 que diz respeito a um Erro Interno do Servidor.

Na listagem a seguir, está alguns dos mais relevantes códigos HTTP, embora a listagem ainda seja mais extensa como poderá ser observada no site do Mozilla.

 

HTTP Informativo

  • 100 – Continuar
    O código de status 100 indica que (geralmente a primeira) parte de uma solicitação foi recebida sem problemas e que o restante da solicitação agora deve ser enviado.
  • 101 – Mudando protocolos
    O HTTP 1.1 é apenas um tipo de protocolo para transferir dados na Web, e um código de status 101 indica que o servidor está mudando para o protocolo definido no cabeçalho “Upgrade” que retorna ao cliente. Por exemplo, ao solicitar uma página, um navegador pode receber um código estatístico 101, seguido por um cabeçalho “Upgrade” mostrando que o servidor está mudando para uma versão diferente do HTTP.

 

Código HTTP Bem sucedido

  • 200 – Sucesso
    O código de status 200 é de longe o mais comum retornado. Significa simplesmente que a solicitação foi recebida e compreendida e está sendo processada.
  • 201 – Criado
    Um código de status 201 indica que uma solicitação foi bem-sucedida e, como resultado, um recurso foi criado (por exemplo, uma nova página).
  • 202 – Aceito
    O código de status 202 indica que o servidor recebeu, entendeu o pedido e que foi aceite para processamento, embora possa não ser processado imediatamente.
  • 203 – Não-autorizado (desde HTTP/1.1)
    Um código de status 203 significa que a solicitação foi recebida e compreendida, e que as informações enviadas sobre a resposta são de terceiros, ao invés do servidor original. Isso é praticamente idêntico ao significado de um status 200 código.
  • 204 – Nenhum conteúdo
    O código de status 204 significa que a solicitação foi recebida e compreendida, mas que não há a necessidade de enviar dados de volta.
  • 205 – Reset
    O código de status 205 é uma solicitação do servidor para o cliente, com o intuito de redefinir o documento a partir do qual a solicitação original foi enviada. Por exemplo, se um usuário preencher um formulário e enviá-lo, um código de status 205 significa que o servidor está solicitando ao navegador para limpar o formulário.
  • 206 – Conteúdo parcial
    Um código de status 206 é uma resposta a uma solicitação de parte de um documento. Isto é usado por ferramentas avançadas de armazenamento em cache, quando um agente do usuário solicita apenas uma pequena parte de uma página e apenas essa seção é retornada.

 

Código HTTP de Redirecionamento

  • 300 – Redirecionamento
    O código de status 300 indica que um recurso foi movido. A resposta será inclua também uma lista de locais nos quais o agente do usuário pode selecionar o apropriado.
  • 301 – Movido
    Um código de status 301 informa ao cliente que o recurso que ele solicitou foi permanentemente movido para um novo local. A resposta também deve incluir esta localização, dizendo ao cliente para usar a nova URL na próxima vez que desejar buscar o mesmo recurso.
  • 302 – Encontrado
    Um código de status 302 informa ao cliente que o recurso que ele solicitou foi temporariamente movido para um novo local. A resposta também deve incluir este localização. dizendo ao cliente que deve continuar usando a mesma URL para acessar esse recurso.
  • 303 – Consulte Outros
    Um código de status 303 indica que a resposta da solicitação pode ser encontrada na URL especificada e deve ser recuperado a partir daí. Isso não significa que algo mudou – é simplesmente especificar o endereço em que a resposta para a solicitação pode ser encontrada.
  • 304 – Não Modificado
    O código de status 304 é enviado em resposta a uma solicitação (para um documento) que solicitou o documento apenas se este fosse mais novo que o que o cliente já teve. Normalmente, quando um documento é armazenado em cache, a data em que ele foi armazenado em cache é armazenada. Na próxima vez que o documento for visualizado, o cliente perguntará ao servidor se o documento foi alterado. Caso contrário, o cliente apenas recarrega o documento a partir do cache.
  • 305 – Uso de Proxy
    Um código de status 305 informa ao cliente que o recurso solicitado deve ser alcançado através de um proxy, que será especificado na resposta.
  • 307 – Redirecionamento temporário
    307 é o código de status enviado quando um documento está temporariamente disponível em um URL diferente, que também é retornado. Em outras palavras, há muito pouca diferença entre um código de status 302 e um código de status 307.

 

Código HTTP de Erro do Cliente

  • 400 – Requisição inválida
    Um código de status 400 indica que o servidor não entendeu a solicitação devido a sintaxe incorreta.
  • 401 – Não Autorizado
    Um código de status 401 indica que, antes que um recurso possa ser acessado, o cliente deve ser autorizado pelo servidor.
  • 402 – Pagamento obrigatório
    O código de status 402 não está em uso no momento, sendo listado como “reservado para uso futuro”. Já que  a intenção original era que esse código pudesse ser usado como parte de alguma forma de dinheiro digital ou esquema de micro pagamento.
  • 403 – Proibido
    Um código de status 403 indica que o cliente não pode acessar o recurso pedido. Isso pode significar que o nome de usuário e a senha incorretos foram enviados na solicitação ou que as permissões no servidor não permitam o que foi solicitado.
  • 404 – Não encontrado
    O mais conhecido de todos, o código de status 404 indica que o recurso pedido não foi encontrado na URL fornecida.
  • 405 – Método não permitido
    Um código de status 405 é retornado quando o cliente tenta usar uma solicitação método que o servidor não permite. Solicitar métodos permitidos deve ser enviado com a resposta (métodos de solicitação comuns são POST e OBTER).
  • 406 – Não aceitável
    O código de status 406 significa que, embora o servidor tenha entendido e processado a solicitação, a resposta é de uma forma que o cliente não consegue entender.
  • 407 – Autenticação de proxy necessária
    O código de status 407 é muito semelhante ao código de status 401 e significa que o cliente deve ser autorizado pelo proxy antes que a solicitação possa continuar.
  • 408 – Tempo de requisição esgotou
    Um código de status 408 significa que o cliente não produziu uma solicitação rapidamente suficiente. Um servidor está configurado para aguardar apenas uma certa quantidade de tempo pelas respostas dos clientes, e um código de status 408 indica que o tempo passou.
  • 409 – Conflito Geral
    Um código de status 409 indica que o servidor não conseguiu concluir a solicitação, geralmente porque um arquivo precisaria ser editado, criado ou excluído e esse arquivo não pode ser editado, criado ou excluído.
  • 410 – Gone
    Um código de status 410 é o primo menos conhecido do 404. Indica que um recurso desapareceu permanentemente, isto é, que o recurso foi intencionalmente removido. Vale ressaltar que um código de status 404 não indica se um recurso foi permanentemente ou temporariamente removido, diferenciando-se desta forma do código 410.
  • 411 – Comprimento Necessário
    O pedido não especifica o comprimento do seu conteúdo, o que é exigido pelo recurso solicitado.
  • 412 – Pré-condição falhou
    Um código de status 412 indica o servidor não cumpre uma das condições que o solicitante coloca na solicitação.
  • 413 – Entidade de solicitação muito grande
    O código de status 413 indica que a solicitação foi maior que o servidor é capaz de lidar, devido a restrições físicas ou a configurações. Geralmente, isso ocorre quando um arquivo é enviado usando o método POST de um formulário e o arquivo é maior que o tamanho máximo permitido nas configurações do servidor.
  • 414 – Pedido-URI muito longo
    O código de status 414 indica que a URL solicitada pelo cliente foi mais longa do que pode processar.
  • 415 – Solicitada de Faixa Não Satisfatória
    Um código de status 415 é retornado por um servidor para indicar que parte da solicitação estava em um formato não suportado.
  • 416 – Solicitada de Faixa Não Satisfatória
    Um código de status 416 indica que o servidor não pôde atender à solicitação. Pode ser, por exemplo, porque o cliente solicitou os 800 a 900 bytes de um documento, mas o documento tinha apenas 200 bytes.
  • 417 – Falha na Expectativa
    O código de status 417 significa que o servidor não conseguiu concluir corretamente a solicitação. Um dos cabeçalhos enviados ao servidor, o cabeçalho “Expect”, indica uma expectativa que o servidor não pôde atender.

 

Código HTTP de Erros do Servidor

  • 500 – Erro Interno do Servidor
    Um código de status 500 indica que o servidor encontrou algo que não esperava e não conseguiu concluir o solicitação.
  • 501 – Não implementado
    O código de status 501 indica que o servidor não suporta tudo o que é necessário para a solicitação ser concluída.
  • 502 – Gateway incorreto
    Um código de status 502 indica que um servidor, enquanto atuava como proxy, recebeu um resposta de um servidor a qual o julgou como inválido.
  • 503 – Serviço indisponível
    Um código de status 503 é mais frequentemente visto em servidores extremamente ocupados e indica que o servidor não pôde concluir a solicitação devido a sobrecarga do sistema.
  • 504 – Tempo limite do gateway
    Um código de status 504 é caracterizado por erros particulares do site em questão. Pode ser que o site esteja em manutenção ou não exista.
  • 505 – Versão HTTP não suportada
    Um código de status 505 é retornado quando a versão HTTP indicada na solicitação não é suportado. A resposta deve indicar quais versões HTTP são suportado.

Article Categories:
Tecnologia da Informação
70

Brasileiro formado em Sistemas de Informação e pós graduado em Projetos e Análise de Sistemas, que desde 2013 mora em Portugal e neste momento encontra-se em Lisboa.

Related Posts


Popular Posts

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *